Noticianahora.com.br

“Brincadeira de Criança” valoriza brincadeiras tradicionais

17/02/2012 - [14h:08m] - Cultura      Diminuir Aumentar

O espetáculo “Brincadeira de Criança” retrata as brincadeiras tradicionais brasileiras, através da dança, poesia e música. “Detetive”, “Ciranda” e “Amarelinha” estão entre as brincadeiras encenadas na montagem, contemplada pelo Edital Yanka Rudzka 03/2010, de apoio à montagem de espetáculo de Dança, da Fundação Cultural do Estado da Bahia. O espetáculo fica em cartaz nos dias 06 e 13/03, no Centro de Cultura de Plataforma; 07 e 08/03, no Centro de Cultura de Lauro de Freitas e no dia 21/03, no Cine-Teatro Solar Boa Vista, sempre às 15h. Os ingressos custam R$ 3 (inteira) e R$ 1,50 (meia), no Centro de Cultura de Plataforma e no Cine-Teatro Solar Boa Vista. No Centro de Cultura de Lauro de Freitas, a entrada é franca.

Fonte: Redação Notícia na Hora

Imprimir Página

Enviar comentário

Comentários Facebook

 

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Eventos

  • Ensaio Fotográfico de Renata Borba

  • Noitada Carioca

  • Noitada Carioca

  • Porto Velho (RO) - ASDEVRON E SENAI entregam diploma para 1ª turma de informática a deficientes visuais

  • 2ª edição Paquerinha - Banda Duas Medidas

Você é a favor ou contra da maioridade penal aos 16 anos?
 

Esta enquete ou sondagem não se reveste do mesmo caráter científico de uma pesquisa de campo, é um levantamento de opiniões, sem controle de amostra, dependendo apenas da participação espontânea do interessado.  Sobre política ou eleições, fica o esclarecimento de que não se trata de pesquisa eleitoral. (artigo 15 da Resolução n.º 22.623/2007 - TSE).

Colunistas


Este site não se responsabiliza pelo conteúdo de terceiros citados aqui. A opinião dos colaboradores e dos leitores não necessariamente representa a opinião do Notícia na Hora. Os direitos de veiculação de artigos aqui publicados pertencem aos seus respectivos autores e nossos colaboradores.
A divulgação é permitida desde que citados os créditos.