Noticianahora.com.br

Defensoria inaugura Núcleo de Conciliação em Ilhéus

22/11/2011 - [11h:40m] - Direito - Justiça      Diminuir Aumentar

 

A partir do próximo dia 28 de novembro, os moradores de Ilhéus, distante cerca de 460 km da capital baiana, poderão usufruir de mais um serviço garantido pela Defensoria Pública: o Núcleo de Conciliação. A inauguração acontece às 9h e, a partir das 14h, os assistidos terão acesso ao atendimento pré-agendado. A expectativa é realizar mais de 360 audiências durante a primeira semana de atividades.

As áreas atendidas serão as de Família e Cível, que tenham parte contrária. Para ter acesso à conciliação, que somente ocorrerá na última semana de cada mês – exceto dezembro-, das 8h às18h, é necessário realizar um agendamento prévio na Defensoria. Os interessados devem levar Rg, Cpf, comprovante de residência, além de um documento relacionado à ação. “Na sexta-feira (02), haverá também exames de DNA, que também necessita do acordo entre as partes para a realização”, diz a defensora pública Sílvia Tavares.

Segundo ela, a expectativa é reduzir o índice de medidas judiciais. “Com a conciliação, queremos aplacar a ansiedade do assistido que terá uma maior celeridade na resolução dos seus problemas”, avalia. Ainda de acordo com a defensora, o espaço contará com o apoio voluntário de um psicólogo e um assistente social.

Além de Sílvia, o Núcleo contará com a atuação dos defensores Tandick Resende, Paula Verena, Cristiane Barreto, Fabianne de Oliveira e Elizete Reis. 

Fonte: Assessoria

Imprimir Página

Enviar comentário

Comentários Facebook

 

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Eventos

  • Noitada Carioca

  • Noitada Carioca

  • Porto Velho (RO) - ASDEVRON E SENAI entregam diploma para 1ª turma de informática a deficientes visuais

  • 2ª edição Paquerinha - Banda Duas Medidas

Você acha que os postos de combustíveis de Salvador praticam preços abusivos?
 

Esta enquete ou sondagem não se reveste do mesmo caráter científico de uma pesquisa de campo, é um levantamento de opiniões, sem controle de amostra, dependendo apenas da participação espontânea do interessado.  Sobre política ou eleições, fica o esclarecimento de que não se trata de pesquisa eleitoral. (artigo 15 da Resolução n.º 22.623/2007 - TSE).

Colunistas


Este site não se responsabiliza pelo conteúdo de terceiros citados aqui. A opinião dos colaboradores e dos leitores não necessariamente representa a opinião do Notícia na Hora. Os direitos de veiculação de artigos aqui publicados pertencem aos seus respectivos autores e nossos colaboradores.
A divulgação é permitida desde que citados os créditos.