Noticianahora.com.br

Oposição venezuelana nega que vá retomar negociação com o governo

13/09/2017 - [08h:56m] - Internacional      Diminuir Aumentar

A Mesa da Unidade Democrática (MUD), que agrupa os partidos de oposição venezuelanos, negou nessa terça-feira (12) que vá abrir nova negociação com o governo,
depois que o chanceler da Venezuela, Jorge Arreaza, anunciou que o diálogo seria retomado hoje (13) na República Dominicana.

"A Mesa da Unidade reitera que não há um reinício do diálogo e informa à Venezuela e ao mundo quais são as suas condições para uma negociação séria", disse
a aliança opositora em comunicado, em que afirma também que enviará uma delegação para reunir-se com o presidente dominicano, Danilo Medina.

O governo de Medina e o ex-presidente do Governo espanhol José Luis Rodríguez Zapatero pediram ao governo e à oposição venezuelana um diálogo "urgente".
Eles disseram estar convencidos de que existe "oportunidade para um processo de encontro, reconhecimento mútuo e reconciliação".

Segundo a oposição, "o convite do presidente Danilo Medina não representa o início de um diálogo formal com o governo", para o qual a MUD exige "ações
imediatas que demonstrem verdadeira disposição de resolver os problemas nacionais".

Entre as exigências da MUD para uma negociação está a apresentação de um cronograma eleitoral, que inclua uma data para as eleições presidenciais previstas
para 2018, além da "libertação de presos políticos, a suspensão das inabilitações a dirigentes opositores e o fim da perseguição".

A oposição exige também "respeito à independência de poderes do Estado" e "o reconhecimento pleno das competências constitucionais da Assembleia Nacional
(Parlamento)", controlada pela oposição e que teve suas atribuições retiradas pelo Supremo Tribunal e pela Assembleia Nacional Constituinte, instaurada
pelo chavismo.

O ministro de Relações Exteriores da França, Jean-Yves Le Drian, foi o primeiro a anunciar a reabertura de um "diálogo" entre governo e oposição venezuelanos
a partir desta quarta-feira na República Dominicana. Ele falou ao fim de uma reunião com o chanceler venezuelano, Jorge Arreaza.

O presidente Nicolás Maduro disse que aceita o convite de Zapatero e designou o prefeito do distrito de Libertador, Jorge Rodríguez, como representante
do governo.
 

Fonte: Agência Brasil

Imprimir Página

Enviar comentário

Comentários Facebook

 

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Jotta Junior prefeito Hildon Chaves

Eventos

  • Abertura da Olímpiada Rio 2016

  • Linha de cosméticos a base de óleos essenciais foi lançada na noite de ontem (1º) em Salvador

  • Ensaio Fotográfico de Renata Borba

  • Reunião do PSC em Porto Velho

  • 1º Encontro Arjore de Comunicação


Este site não se responsabiliza pelo conteúdo de terceiros citados aqui. A opinião dos colaboradores e dos leitores não necessariamente representa a opinião do Notícia na Hora. Os direitos de veiculação de artigos aqui publicados pertencem aos seus respectivos autores e nossos colaboradores.
A divulgação é permitida desde que citados os créditos.