Noticianahora.com.br

Psicóloga do Nucria ministra palestra sobre proteção à criança e adolescente de Apucarana

10/02/2018 - [12h:26m] - Educação      Diminuir Aumentar

A Autarquia Municipal de Educação realizou mais uma etapa da formação continuada para os professores e servidores da rede municipal de ensino. O ponto
alto da programação, nessa sexta-feira (9), foi uma reflexão sobre o tema violência contra a criança e o adolescente.

A palestra foi ministrada, em duas sessões, no Auditório Gralha Azul, pela psicóloga do Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crime
(Nucria), Cristina Fukumori Watari, em parceria com o procurador da República, Raphael Otávio Bueno Santos.

“Nós entendemos que cursos como esse são extremamente importantes. Por meio deles, os profissionais aprendem a reconhecer os sinais que as crianças vítimas
de violência demonstram no ambiente escolar e a dar o encaminhamento e o suporte necessários em cada situação,” afirmou a secretária municipal de educação,
Marli Fernandes.

O prefeito em exercício de Apucarana, Júnior da Femac, enalteceu a iniciativa da Autarquia Municipal de Educação. Segundo ele, o Centro de Apoio Multiprofissional
ao Escolar (CAME), em parceria com a macrorrede de enfrentamento da violência contra a criança e o adolescente, promoveu uma discussão relevante durante
a formação continuada de professores da rede municipal de ensino.

“Tudo o que ocorre fora da escola reflete dentro dela, seja o surgimento de novas tecnologias, os problemas familiares, o bullying e os casos de violência.
Por isso, é preciso aproveitar ao máximo estas orientações transmitidas, por que os professores têm nas mãos o bem mais precioso de Apucarana: nossas crianças,”
afirmou o prefeito em exercício, Junior da Femac.

VIOLÊNCIA - De acordo com o procurador da República, Raphael Otávio Bueno Santos, a violência contra as crianças e os adolescentes ocorre em qualquer lugar
e em todos os grupos sociais. “Em geral, apenas os casos mais graves são denunciados e vêm a público, mas os pequenos atos de violência também deixam marcas
profundas nas vítimas. Os crimes quase sempre são praticados por pessoas próximas aos menores e que deveriam protegê-los. Estes, por sua vez, enfrentam
dificuldades em pedir ajuda, seja por medo ou pela falta da consciência de que tais atos caracterizam crimes,” explicou.

Além da reflexão sobre o enfrentamento da violência contra a criança e o adolescente, os profissionais da rede municipal de ensino também assistiram, nessa
sexta-feira, no Cine Teatro Fênix, às palestras “Acordando as múltiplas inteligências”, proferida pela mestre em Educação Especial, Wania Boer, e “A importância
do Brincar na Educação Infantil”, ministrada pela especialista em Educação Infantil, Regina Shudo.
 

Fonte: Assessoria - Foto: Profeta

Imprimir Página

Enviar comentário

Comentários Facebook

 

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Jotta Junior prefeito Hildon Chaves

Eventos

  • Abertura da Olímpiada Rio 2016

  • Linha de cosméticos a base de óleos essenciais foi lançada na noite de ontem (1º) em Salvador

  • Ensaio Fotográfico de Renata Borba

  • Reunião do PSC em Porto Velho

  • 1º Encontro Arjore de Comunicação


Este site não se responsabiliza pelo conteúdo de terceiros citados aqui. A opinião dos colaboradores e dos leitores não necessariamente representa a opinião do Notícia na Hora. Os direitos de veiculação de artigos aqui publicados pertencem aos seus respectivos autores e nossos colaboradores.
A divulgação é permitida desde que citados os créditos.