Como se Alistar na Marinha 2022? Todas as Informações

Um dos sonhos de muitos brasileiros é adentrar na marinha, visto que há várias possibilidades de conseguir ter uma carreira de qualidade, além de salários considerados como bem altos.

Está querendo adentrar nessa modalidade, porém, não sabe como? Veja aqui o tutorial completo do que deve ser feito, quais são os documentos necessários e quais são as demais informações que se deve ter atenção!

Como me alistar na marinha 2022?

É importante saber que existem duas maneiras de ingressar na marinha, sendo a primeira delas por meio do alistamento militar obrigatório para os jovens do sexo masculino, enquanto para as mulheres é opcional

Ou, é possível adentrar via militar de carreira, que nesse caso, será preciso prestar concurso público, que, possui vagas na mesma quantidade para ambos os sexos.

Se a sua intenção for ingressar como militar de carreira, saiba de antemão que deverá prestar concurso público. O certame geralmente é destinado a ambos os sexos.

Via alistamento militar

Para você que quer se alistar por meio do alistamento militar, é preciso seguir o tutorial abaixo:

  1. Acesse o site oficial do alistamento militar, que é: https://alistamento.eb.mil.br/;
  2. Agora, é preciso clicar na opção “Quero me alistar”;
  3. Depois disso, você deve selecionar a opção “Não me encaixo em nenhum dos itens anteriores, continue meu alistamento”;
  4. Agora, na próxima página da qual você será redirecionado, é preciso inserir seus dados pessoais, inicialmente com o CPF e então, clicar em “Continuar”.

Pronto, agora seu perfil será analisado pelos responsáveis pela seleção e assim, se você tiver sorte, poderá adentrar no processo de alistamento, verificando depois quais são as formas de conseguir ir além dentro das carreiras na marinha.

Como ingressar via concurso público

Existem vários concursos que podem ser executados para aqueles que querem adentrar na marinha brasileira. Veja alguns dos exemplos abaixo:

EAM – Escola de Aprendizes Marinheiros

É preciso que os interessados nessa modalidade, tenham o ensino fundamental completo, onde as inscrições são restritas para o sexo masculino.

Ademais, é preciso ter idade entre 18 até 21 anos, passando nas provas de matemática, ciências e português, que são aplicadas logo de início.

Esse curso é todo realizado em uma das quatro Escolas de Aprendizes-Marinheiros, das quais estão localizadas nas cidades de: Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), Vitória (ES) e Recife (PE).

EN – Escola Naval

Essas inscrições são para candidatos do sexo masculino e do feminino, além de exigirem o ensino médio como uma escolaridade principal, do contrário, não é possível realizar a matrícula.

Esse ciclo escolar na instituição possui o tempo de duração de 4 anos, do qual é feito no regime de internato. Em cada ano, há o período acadêmico e o de verão.

No tempo de verão, o estudante deve cumprir o período de estágio de adaptação, estágio de sobrevivência no mar e por fim, as viagens de instrução.

O período acadêmico é todo realizado diante de treinamento físico, atividades de ensino e por fim, a formação militar-naval.

É interessante destacar que é preciso ter a idade entre 18 até 23 anos para a aplicação condizente. As provas que são requeridas também incluem: prova escrita objetiva de matemática e física e para o sexo feminino, prova escrita objetiva de matemática.

Qualquer um dos candidatos precisam realizar provas de português, de inglês e por fim, de redação. Esse curso é feito na Escola Naval, da qual está localizada na cidade do Rio de Janeiro.

CAP – Corpo Auxiliar de Praças

Para os dois sexos, é preciso ter o ensino técnico e nível médio completo. Esse concurso tem como a intenção de apoiar e aplicar, em nível técnica, a gestão de maneira operativa, administrativa e de saúde da marinha.

Além disso, é feita a manutenção dos navios de guerra, de apoio e por fim, das aeronaves.

Para quem deseja ingressar, é preciso realizar um curso técnico de nível médio completo, ademais, realizar um curso de formação militar naval, de maneira a se adaptar ao ambiente militar-naval, o que começa com a patente de cabo.

Durante a carreira, há a possibilidade de executar cursos de especialização e de qualificação técnica. É preciso que o candidato seja brasileiro nato e ter idade entre 18 até 24 anos.

Agora que você já sabe quais são as opções para adentrar na marinha, basta escolher qual a mais te interessa e estudar bastante.

Deixe seu comentário