Inscrição Revalida 2021 – Veja Prova, Requisitos e mais Informações

Revalida é o Exame Nacional de Revalidação de Diplomas de medicina, criado pelos Ministérios da Saúde e da Educação, uma prova que serve para simplificar o reconhecimento de diplomas, emitidos por universidades estrangeiras.

Estudantes formados no exterior que querem atuar como médicos no Brasil devem fazer o reconhecimento do diploma. Só depois desse passo é que estes profissionais devem solicitar ao Conselho Nacional de Medicina a autorização para trabalhar na área em território brasileiro.

Médicos estrangeiros que pretendem atuar no Brasil também devem passar pela revalidação do diploma. A primeira edição do Revalida foi em 2010, mas o projeto se tornou oficial a partir de 2011. A data do Revalida 2021 deve ser divulgada em breve. 

Inscrição Revalida 2021

Como é a prova do Revalida?

Inscrição Revalida 2021

O objetivo da prova é avaliar a proficiência, habilidades e competências dos médicos. Se aprovados, os profissionais vão estar aptos a trabalhar no Sistema Único de Saúde (SUS). A avaliação é feita com nível de exigência cobrado pelas universidades brasileiras.

O Revalida acontece em duas etapas. Na primeira, o profissional realiza uma prova escrita, com questões discursivas e de múltipla escolha, de caráter eliminatório.

Esta fase aborda conteúdos de clínica médica, cirurgia e medicina da família e saúde pública. Quem atingir a pontuação mínima, passa para a segunda etapa, que é um exame prático. 

Serão avaliadas, na segunda fase, as habilidades clínicas do candidato. O profissional deve mostrar conhecimentos e competências profundas do exercício da medicina.

Além disso, também são avaliadas a comunicação, raciocínio clínico e tomada de decisões. Os conteúdos serão sobre ginecologia e obstetrícia, pediatria e medicina da família e saúde pública. 

Requisitos

Inscrição Revalida 2021
  • Ser brasileiro ou estrangeiro residente legalmente no Brasil,
  • Possuir diploma médico expedido por universidade estrangeira reconhecida no país de origem,
  • Diploma autenticado no consulado brasileiro,
  • Possuir Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) emitido pela Receita Federal do Brasil,
  • Enviar os arquivos de imagens do diploma, conforme solicitação do sistema de inscrição.

Veja também:

Como fazer sua inscrição no ENEM

Como fazer sua inscrição no SISU

Como fazer Inscrição Revalida 2021?

Inscrição Revalida 2021

Para se inscrever no Revalida 2021, o candidato deve ter diploma médico expedido por instituições de ensino superior estrangeiras.

Estas universidades do exterior devem ser reconhecidas pelo Ministério da Educação do país de origem ou órgão equivalente.

A inscrição é feita pelo site do exame.

  1. Primeiramente, acesse o site oficial do Revalida,
  2. Em seguida, basta selecionar a opção de inscrição,
    Como fazer Inscrição Revalida 2021?
  3. Logo depois, o candidato deve preencher os dados solicitados,
  4. Por fim, finalize o procedimento e confirme sua inscrição.

Além disso, é importante que o candidato, no momento da inscrição, forneça algumas informações importantes, como a indicação da instituição onde deseja realizar sua revalidação de diploma.

O candidato deve indicar a universidade pública onde desejar fazer a revalidação e local onde fará os exames. Além disso, serão solicitados CPF do candidato e cópia (frente e verso) do diploma em formato PDF.

Após feita a inscrição, deve ser feito o pagamento das taxas emitidas em boletos eletrônicos. A taxa de inscrição da primeira prova anual é equivalente a 10% do valor mensal da bolsa do médico-residente (R$ 330,00), e a segunda terá o valor total (R$ 3.300,00).

Onde são realizadas as provas?

Ambas as fases são, geralmente, realizadas em diferentes capitais brasileiras, mas não em todas, já que são apenas algumas instituições de ensino superior que aplicam o Revalida.

Porém, ainda não há nenhuma informação sobre em quais capitais ela será realizada, uma vez que é possível que essa informação mude de uma aplicação para a outra.

Além disso, o Governo ainda estuda a implementação da primeira fase em um formato digital, podendo ser até mesmo realizado pela internet. Ainda não há nenhuma novidade em relação a esse projeto, entretanto.

Revalidação do diploma

Inscrição Revalida 2021

Após ser aprovado no Exame Nacional de Revalidação, o profissional deve encaminhar o diploma a uma universidade pública brasileira.

Em alguns casos, é exigida uma formação complementar. Em outros, não.

Caso você faça parte do grupo que não necessita de formação complementar, deve se inscrever no Conselho Regional de Medicina para conseguir habilitação como médico no Brasil.

Depois, basta começar seus trabalhos como profissional de saúde!

Requisitos

Inscrição Revalida 2021

Antes que o candidato se inscreva no programa, é importante saber se ele atende aos requisitos básicos da Inscrição Revalida 2021.

Em geral, estes critérios são:

  • Ser brasileiro ou estrangeiro residente legalmente no Brasil,
  • Ser portador de diploma médico expedido por uma universidade estrangeira reconhecida no país de origem,
  • Autenticar o diploma da universidade do exterior consulado brasileiro,
  • Possuir o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF),
  • Ter encaminhando os arquivos de imagens do diploma, de acordo com o foi solicitado pelo sistema de inscrição.

Prova do Revalida

Aplicado pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), o Revalida leva em consideração os métodos de avaliação de universidades públicas do Brasil.

Dessa forma, a prova do exame conta com um processo avaliativo rigorosos. Os aprovados, por outro lado, ficam isentos de realizar outros exames usuais para a contratação.

Além disso, para conseguir aprovação no exame é necessário passar pelas duas etapas do programa.

Etapas do Revalida

A primeira fase é uma prova teórica, com 110 questões de múltipla escolha e 5 questões discursivas.

Com isso, nessa primeira etapa são abordados os conteúdos relacionados à medicina, como clínica médica, cirurgia e medicina da família e saúde pública.

Por outro lado, a segunda etapa é feita através de uma avaliação das habilidades clínicas do candidato. É aqui onde ele deve demonstrar os conhecimentos, habilidades e competências para atuar no Brasil.

Revalidação do diploma

Logo após realizar o programa, e ser aprovado nas duas etapas, o candidato precisa encaminhar seu diploma para revalidação.

Dessa forma, o procedimento é feito em uma universidade pública do Brasil, sendo que ainda pode ser exigido do candidato uma complementação em sua formação.

Em seguida, caso cumpra todos os requisitos, é necessário realizar a inscrição no Conselho Regional de Medicina para, enfim, conseguir a habilitação como médico.

O Revalida vai acontecer em 2021?

Ainda não há certezas sobre a realização ou não do Revalida no ano de 2021.

Isso porque ele geralmente não acontece anualmente: na verdade, o Ministério da Educação o realiza de tempos em tempos, geralmente com uma pausa de alguns anos.

Por exemplo, a última vez que o Revalida foi realizado foi no ano passado. Antes disso, ele só havia sido aplicado em 2017.

Entretanto, um projeto de lei foi aprovado no final de 2019, propondo que o Revalida seja aplicado semestralmente, com o edital sendo publicado a cada 60 dias e a prova sendo dividida em duas etapas.

Até o momento, entretanto, não se sabe se, daqui para a frente, esse modelo de aplicação continuará da maneira como foi proposta.

Portanto, recomendamos que você acesse com frequência tanto o nosso site, quanto o site do Ministério da Educação, além dos principais portais de notícias do país, para ficar atento às novidades em relação ao Revalida.

Fotógrafo, ator e comunicador é apaixonado pelas artes e pela aventura que é a vida. Nas palavras, vê uma chance de mudar o mundo, mesmo que para isso tenha que vir até ele, afinal, passa muito mais tempo no mundo da lua.

Deixe seu comentário